18º. CONGRESSO DO TURISMO PAULISTA

Veja a programação e se inscreva clicando aqui

Seja um Associado
Newsletter Amitur
Inscreva-se e receba os informativos da AMITur
Salão São Paulo de Turismo
 
conteudo-brasil 
Banco de Imagens do Estado de São Paulo
Compartilhe
AddThis Social Bookmark Button

18º Congresso do Turismo Paulista
Dias 19, 20 e 21 de junho de 2018

PROGRAMAÇÃO DOS CURSOS E PALESTRAS = INSCRIÇÕES GRÁTIS

CENTRO DE EVENTOS SÃO LUÍS = RUA LUÍS COELHO, 323 = SÃO PAULO / SP = REGIÃO DA AVENIDA PAULISTA

(Próximo da Estação Consolação da Linha Verde do Metrô e da Estação Paulista da Linha Amarela do Metrô)
Nas Dependências do SALÃO SÃO PAULO DE TURISMO




Clique nas fotos para ampliá-las

NOTAS DO TURISMO PAULISTA publicadas entre 22 e 25 de fevereiro de 2018

AddThis Social Bookmark Button

ATRATIVOS DE SERTÃOZINHO

Marco Zero de Sertãozinho, Município de Interesse TurísticoO Município Turístico de Sertãozinho, na região de Ribeirão Preto, está à sua espera de braços abertos. Toda a sua história pode ser apreciada nos diversos patrimônios espalhados pela cidade, preservando as suas tradições culturais.
Sertãozinho se destaca no turismo de negócios com eventos internacionais. Tem outros filões no turismo religioso e turismo rural. Um eficiente Conselho Municipal de Turismo está atento para o bom serviço de receptivo local.
O Museu da Cidade e Centro de Memória são abrigados em prédio tombado. Há o Parque Ecológico e de Lazer com diversão garantida em praia artificial, piscina, pedalinhos e a Escola de Educação Ambiental com horta orgânica e plantas ornamentais.
A Praça 21 de Abril, seu marco zero, foi reformada e é visita obrigatória. Conheça Sertãozinho.

MUSEU DA IMIGRAÇÃO

Museu do Imigrante, em São Paulo.Desde 2011, o Museu da Imigração foi integrado no prédio da Hospedaria dos Imigrantes com o objetivo de preservar a memória das comunidades de imigrantes que chegaram ao Brasil e se estabeleceram no Estado de São Paulo.
O acervo e o edifício da Hospedaria dos Imigrantes formam um conjunto de fundamental importância para a história da imigração no Brasil. Estão localizados na capital paulistana, à rua Visconde de Parnaíba, 1316. Aberto de terça a sábado da 9h às 17h e aos domingos das 10h às 17h (11) 2692-1866.
Entre os documentos do acervo, estão livros de registros de imigrantes, listas de bordo, livros de matrículas de imigrantes e álbuns contendo fotografias de núcleos coloniais.

ESTAÇÃO COM MUITA HISTÓRIA

Estação da Estrada de Ferro Central do Brasil, em Cachoeira Paulista.Em 1869, foi constituída por fazendeiros do Vale do Paraíba a Estrada de Ferro do Norte que abriu o primeiro trecho saindo de São Paulo. Na cidade turística de Cachoeira Paulista, em 1877, aconteceu o encontro com a EF Dom Pedro II, que vinha do Rio de Janeiro e pertencia ao Governo Imperial.
Em 1889, com a queda do Império, a EF D. Pedro II passou a se chamar EF Central do Brasil que incorporou a já falida EF do Norte. Depois a Central foi absorvida pela Rede Ferroviária Federal que, com tamanha incompetência do governo federal, acabou sumindo do mapa.

EM CACHOEIRA PAULISTA

Palmeiras Imperiais em Cachoeira Paulista.A EF D. Pedro II chegou a Cachoeira Paulista em 1875, abrindo a estação para servir ao terminal navegável do Rio Paraíba. A cidade era parada obrigatória, pois dali até o Rio de Janeiro era uma bitola, e até São Paulo a bitola era outra, portanto com a indispensável baldeação.
Num domingo, em 8 de julho de 1877, dez mil pessoas receberam na Estação do Brás, em São Paulo, a chegada de 500 passageiros da viagem inaugural Rio-São Paulo, em dois trens e quinze carros. Eles tinham partido do Rio de Janeiro com festas, discursos, hinos e rojões, festas que se repetiam em cada estação do percurso, embora o comboio não tenha parado em nenhuma delas. Apenas parou em Cachoeira Paulista, cuja estação está tombada pelo Condephaat.
Agora que Cachoeira Paulista tornou-se oficialmente um "Município de Interesse Turístico" com toda certeza vão cuidar muito bem daquela histórica estação ferroviária.

TURISMO RURAL

Aprenda curtir o Turismo RuralA Câmara de Turismo Rural vai se reunir no dia 5 de março, das 14h às 16h, nas dependências da Assembleia Legislativa paulista, à Av. Pedro Álvares Cabral, 201, Sala 113 do andar térreo.

(Texto de Jarbas Favoretto, MTb 32.511 – fevereiro/2018)

Desenvolvido por:
Site desenvolvido por A3 Internet, clique para ver nosso portfolioGuia comercial Circuito BR 116, ferramenta de desenvolvimento da região